De tempos em tempos, surge uma “moda” cristalina porque o mercado já entendeu que estamos todos mais interessados em cristais. Primeiro foram os Jade Rollers e Gua Shas, depois as garrafas de Elixir de Cristal… a “bola da vez” é um modelo de cachimbo lapidado com pedras semi preciosas.

A ideia parece simples: tirar uma pedra bruta da terra, esculpir, furar uma haste e tadam! Nessa onda new age, esses cachimbos estão sendo vendidos em grande quantidade e há de todos os tipos de pedra: eu já vi de Fluorita, Olho de Tigre, Lápis Lazúli, Howlita, Labradorita… A lista é longa.

Embora a propaganda sirva pra vender as propriedades energéticas de cada cristal misturado com as ervas que você desejar inalar, minha curiosidade me levou um pouco mais longe… Pensei em todos os minerais que compõe esses cristais e descobri que, sim, há muitos perigos em fumar qualquer coisa que seja nestes cachimbos.

Fonte: AliExpress

Vamos considerar o processo. Uma pedra bruta é cortada para prepará-la para a modelagem e perfuração finais. Durante a modelagem, compostos de polimento, óleos e selantes são usados ​​para dar à pedra sua aparência final perfeitamente brilhante. Um estudo da Universidade de Berkeley cita, entre os compostos usados para trabalhar uma pedra em mineração os seguintes químicos: carboneto de silício, óxido de cério, óxido de estanho, óxido de cromo e óxido de alumínio.

A remoção desses compostos de polimento é um processo diferente, geralmente envolvendo um banho de ácido que pode ou não ter ocorrido antes da perfuração da haste, deixando produtos químicos agressivos no interior do tubo. O interior do tubo é apenas furado, não polido, deixando a sua superfície porosa exposta. Essa superfície áspera pode armazenar depósitos de produtos químicos ou poeira com facilidade.

Fonte: AliExpress

E o tipo de cristal?

Além da mecânica do tubo em si, o tipo de cristal usado também é de extrema importância. Existem muitas informações científicas sobre os danos que o amianto pode causar aos pulmões. Pode causar doença asbestose, inflamação dos tecidos pulmonares e cicatrizes permanentes. Uma das imagens mais comuns de cachimbos que vejo é feita de um mineral muito carregado de amianto: o Olho de Tigre e a Serpentinita. Quando o orifício é feito na haste do tubo, sem dúvida sobra pó de amianto.

Outro cristal perigosíssimo para nossa saúde é a Fluorita. Ela libera um gás corrosivo chamado flúor quando aquecida. Muitos dos químicos pioneiros que pesquisaram esse gás morreram devido à exposição. Nunca, nunca deve ser inalado com fumaça.

Fonte: Wish